quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Seria útil se a realidade não fosse tão inútil.

Na época em que cidade com dezenas de milhares de habitantes era coisa rara, automóvel era artigo de luxo. 95,8% das pessoas que você conhecia e chegasse a conhecer na vida estavam a uma caminhada de distância, assim como o seu trabalho. Nada era longe demais para fazer do carro algo indispensável.
Hoje não. Sou dependente do meu carro (“carinhosamente” – entre aspas mesmo, porque é ironia e é uma inside joke – apelidado Aninha), que me faz gastar mais do que namorada (pelo menos, ele não reclama quando olho praquela BMW cheia de curvas). Mas o pior é que meu carro bebe mais que este trio de blogueiros em feriado prolongado!
Como tenho certeza que não é só a minha Aninha que poderia fazer parte do AA, presto aqui um serviço de utilidade pública, ao apresentar pra vocês o site http://www.meucombustivel.com.br/ . Funciona como o Google Maps, com uma diferença: depois de digitar o nome da cidade, ele lhe dará o preço de todos os postos da região!


Legal, não é? Na verdade... não. Adianta saber o preço de todos os postos da cidade, se a diferença entre o mais caro (R$2,59) e o mais barato (R$2,54) é tão irrisória que não vale o tempo e a grana de você se deslocar de um pra outro? Pense bem: se você abastecer 10 litros, a diferença entre as duas contas será de R$0,50! Se encher o tanque, será de R$2,00!
Mesmo para um Scrooge da vida, a resposta será: “Dane-se. Vou ao mais perto.” Já eu, vou no que me dá Km de vantagens... Cachê de merchan na minha conta amanhã! hehehe

Mas, enfim... Puta que o pariu! Até porque não tenho assunto algum pra escrever, tive que dividir minha frustração com vocês, de encontrar um site tão útil, mas ao, mesmo tempo, inútil, dada a real amplitude do cartel de combustível.


Nenhum comentário:

Postar um comentário